sexta-feira, 11 de outubro de 2013

POESIAS DE OUTUBRO - DIA 11




Miguel de Cervantes Savaedra




Nasceu em Alcalá, Espanha, em 1547. Lutando contra os turcos, perdeu a mão esquerda na batalha de Lepanto.

Em 1575, enquanto voltava para a Espanha, foi aprisionado pelos mouros e levado cativo para a Argélia, onde permaneceu até 1580.

Libertado, mudou-se para Madri. A primeira parte de seu principal livro, As Aventuras do Engenhoso Fidalgo Dom Quixote de la Mancha foi publicado em 1605.

Em 1615, a segunda parte de seu romance Dom Quixote foi finalmente publicada. Cervantes morreu em 1616, e produziu também algumas novelas e muitos outros textos. A personagem Dom Quixote declama / canta um lindo poema - o mais clássico dos clássicos - abaixo. Trago em vídeo a interpretação fabulosa de SOFHIA LOREN, como a imaginada DULCINÉIA:



Sonho Impossível


Sonhar o sonho impossível,

Sofrer a angústia implacável,


Pisar onde os bravos não ousam,


Reparar o mal irreparável,


Amar um amor casto à distância,


Enfrentar o inimigo invencível,


Tentar quando as forças se esvaem,


Alcançar a estrela inatingível:


Essa é a minha busca.



(Dom Quixote)


À AMADA DE TODAS AS BLOGUEIRAS, "DIACUY LA LOREN"...A MAIS LINDA INTERPRETAÇÃO DE "SOFHIA DIACUY" . . . PERMITA-SE ASSISTIR INTEIRO PORQUE TODOS MERECEMOS ESSE MOMENTO DE PURA EMOÇÃO:


video




Sonho Impossível

Sonhar mais um sonho impossível
Lutar quando é fácil ceder
Vencer o inimigo invencível
Negar quando a regra é vender
Sofrer a tortura implacável
Romper a incabível prisão
Voar num limite improvável
Tocar o inacessível chão
É minha lei, é minha questão
Virar este mundo, cravar este chão
Não me importa saber
Se é terrível demais
Quantas guerras terei que vencer
Por um pouco de paz
E amanhã se este chão que eu beijei
For meu leito e perdão
Vou saber que valeu
Delirar e morrer de paixão
E assim, seja lá como for
Vai ter fim a infinita aflição
E o mundo vai ver uma flor
Brotar do impossível chão


Versão de Chico Buarque e Ruy Guerra da canção “The Impossible Dream”, composta por Joe Darion e Mitch Leigh em 1965 e que  fez parte do musical “Man of La Mancha”, baseado em Dom Quixote, de Miguel de Cervantes.


A IMPECÁVEL INTERPRETAÇÃO DE MARIA BETHANIA:
video



VOCÊ AGORA FAZ PARTE DE UMA DILETA MINORIA QUE SABE SEREM, TANTO A VERSÃO EM INGLÊS ( PRIMEIRO VÍDEO ) COMO A LINDA VERSÃO DE CHICO BUARQUE EM PORTUGUÊS ( SEGUNDO VÍDEO ), ADAPTAÇÕES DO POEMA ORIGINAL DE CERVANTES, DO LIVRO DE DOM QUIXOTE, COMO PRINCIPAL TRECHO DA OBRA ESCRITA EM CATIVEIRO NUMA ÉPOCA EM QUE NASCIA A COLONIZAÇÃO PORTUGUESA NO BRASIL ! NÃO, CERVANTES NÃO FOI UM POETA COMO TRADICIONALMENTE CONHECEMOS, MAS POR SUA MAGNÍFICA CRIAÇÃO DO QUE ACABOU SE TORNANDO UM GRANDE POEMA QUE, TRANSFORMADO EM MÚSICA PERCORRE TELAS E MUITAS MÍDIAS DO PLANETA ATÉ HOJE E PELO QUE ELE REPRESENTARÁ PARA SEMPRE, NESTE POST É TEMA DA SÉRIE "POESIAS DE OUTUBRO"! 

NÓS, BLOGUEIRAS DOS ENCONTROS PAULISTAS, BRINCAMOS SEMPRE COM A COMPANHEIRA DIACUY, BLOGUEIRA LINDA E MUITO PARECIDA COM SOFHIA LOREN. DIACUY É TAMBÉM FOTÓGRAFA DE TALENTO IMENSO E NOS DÁ A HONRA DE REGISTRAR NOSSOS ENCONTROS, COMO NA FOTO ACIMA COMIGO EM SETEMBRO DE 2013 !


SE VOCÊ QUISER PASSEAR PELOS POSTS DA SÉRIE É SÓ CLICAR NO MENU À ESQUERDA EM "GAVETAS TEMÁTICAS". A GAVETINHA  "POESIAS DE OUTUBRO". VAI LEVAR-LHE EM PASSEIO POR ELES, UM ATRÁS DO OUTRO, ATÉ CHEGAR NO PRIMEIRO !


Um comentário:

  1. Homenagem mais que justa....vou falar o mínimo que a Lola é minimalista!!!
    Mas nós não né Léo..rsrsrsrs...Desde que a conheci nem sei como,acho que ela estava fazendo comida árabe e postando fotos....me apaixonei pela bela Lola.
    Linda as 2 versões ,muito feliz sua postagem.
    bjjss e bom fim de semana.
    meu cachixó

    ResponderExcluir

A D O R O O O...OBRIGADA !